VERSÍCULOS BÍBLICO

Apocalipse

domingo, 15 de junho de 2014

O PRIMADO DE PEDRO


2º Parte

                Da interpretação doutrinária que a Igreja Católica faz de Mateus 16.16-19, procede outro grande erro: o ensino de que Jesus fez de Pedro o "Príncipe dos Apóstolo", pelo que, veio a se tornar o primeiro bispo de Roma, do qual os papa, no decorrer dos séculos, são legítimos sucessores.

Refutação 

                Esteve Pedro em Roma alguma vez? É muita remota a possibilidade de Pedro ter estado em Roma.

                Oscar Cullman, teólogo alemão, escreve: " A primeira carta de Pedro ...alude em sua saudação final (5.13) a sua estada em Roma ao mencionar "Babilônia" como lugar da sua comunidade cristã que envia a sua saudação aí contida. Talvez Babilônia aí significa Roma". como se vê, o terreno aqui é movediço.

                Também Lietzmann, em sua obra Peturz And Paulus In Rome (Pedro e Paulo em Roma), assim se expressa sobre o assunto:

"Mais importante, porém, é a debatida afirmação de que Pedro, no decurso
de sua atividade missionária, tenha chegado a Roma e ai tenha morrido
como mártir. Visto que está questão intimamente relacionada com a 
pretensão romana ao primado de Pedro, frequentemente a polêmica 
confessional inclui no assunto. Como, porém, ao lado das fontes 
neotestamentárias, vem em consideração principalmente testemunhos extras
e pós-canônicos da literatura cristã antiga, e, além disto, documentos litúrgicos
posteriores, e ainda escavações recentes, está questão não pode ser aqui
em todos os seus pormenores. Quero apenas lembrar que até a segunda metade 
do século II, nenhum documento afirmava expressamente a estada e o martírio de Pedro em Roma."

            Segundo a tradição católica, Pedro foi o primeiro papa em Roma por 25 anos, "O Papa, Bispo de Roma e sucessor de S. Pedro, é o perpétuo e visível princípio e fundamento da unidade, quer dos Bispos, quer da multidão dos fiéis" (Catecismo da Igreja Católica, paragrafo 881, p. 253 - Edição Típica Vaticana, Edição Loyola, São Paulo, Brasil, 1999). Tal declaração de que Pedro foi o primeiro papa, não pode ser confirmada nem pela Bíblia e nem pela História.
             
             Primeiramente, partindo do martírio de Pedro por volta de 67 ou 68 d.C. e subtraindo dessa data vinte cinco anos, ou seja, o período que á tradição católica afirma que Pedro fora Bispo de Roma, retrocederemos a 42 ou 43 d.C. 

             De acordo com o Novo Tetamento, em Atos 15 encontramos Pedro participando do Concílio de Jerusalém ocorrido por volta de 48 d.C. ou depois. Embora Pedro participasse desse Concílio, conforme Atos 15.13-19, ele não o preside, mas sim, Tiago.

             Por volta do ano 58 d.C., o apóstolo Paulo escreveu a Epístola aos Romanos, e no capítulo 16 mandou saudação para vários  irmãos em Cristo que estava em Roma, mas não em momento algum o suposto bispo de Roma.

             Posteriormente, por volta do ano 62, Paulo chegou a Roma e recebeu a visita de vários irmãos, novamente não se tem notícia desse tal bispo de Roma, (leia Atos 28.30,31), isso não é estranho?

             Na cidade de Roma, em 62, Paulo escreveu a Epístola aos Efésios, aos Colossenses e Filemom. Em 64, escreveu a Epístola aos Felipenses, e entre 67 e 68 escreveu a Segunda Epístola a Timóteo, período do grande incêndio de Roma, quando estava aprisionado pela segunda vez e em nenhum momento o apóstolo Paulo cita Pedro, é no mínimo estranho, Paulo silenciar-se a respeito de Pedro, especialmente se ele realmente fosse bispo de Roma. 

             O Catolicismo Romano declara ainda a respeito do Papa: "Com efeito, o pontífice Romano, em virtude de seu múnus de Vigário de Cristo e de Pastor de toda a Igreja, possui na igreja poder pleno, supremo e universal. E ele pode exercer sempre livremente este seu poder" (CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA, PARÁGRAFO 881, p. 253 - Edição Típica Vaticana, Edição Layola, São Paulo, Brasil, 1999).

              As seguintes expressões sobre o papa contrariam explicitamente a Bíblia Sagrada. Senão vejamos:
              
                        1. Sumo Pontífice e Pastor de toda a Igreja: Jesus é o sumo Pastor da Igreja (1 Pe 5.4);

                         2. O Vigário de Jesus ou o representante de Jesus. A Bíblia diz que quem veio como nosso consolador é o Espírito Santo e não o papa (Jo 14.16-18).

Pedro, um papa diferente

                  Tenha estado ou não em Roma, o fato é que se Pedro foi papa, foi um papa diferente dos demais que já apareceram, em função do que nos mostra a Bíblia:                                                                                                                                                                                                                                                    a) Pedro era financeiramente pobre (At 3,6);                                                    b) Pedro era casado (Mt 8. 14,15);                                                                  c) Pedro foi um homem humilde; não aceitou ser adorado pelo centurião Cornélio (At 10. 25, 26);                                                                                        d) Pedro foi um homem repreensível (Gl 2.11-14).                                                                                                                                                       É surpreendente que Pedro, sendo o "Príncipe dos Apóstolos", como ensina a Igreja Católica Romana, não era o pastor da igreja em Jerusalém (At 15), mas sim, Tiago. Se Pedro fosse, então papa, ele não teria aceitado a orientação dos líderes da igreja quanto á obra missionária (At 15. 7) e também a ordem das "colunas" da Igreja, conforme Paulo escreveu em Gálatas 2.9, seria: Cefas , Tiago e João" e não "Tiago Cefas e João". Cefas é o nome aramaico de Pedro, dado por Jesus (Jo 1. 42).
O papa, um  Pedro diferente

               A própria história do papado é uma viva demonstração de que os papas jamis deram provas de que são sucessores do apóstolo Pedro, já que em nada se assemelham àquele inflamado, mas humilde apóstolo do Senhor Jesus Cristo. Por exemplo:

                               a) Os papas são administradores das grandes fortunas da Igreja. O clérigo José Maria Diez Alegria, da Universidade Gregoriana de Roma, declarou, já no final do ano 1972, que o balanço financeiro do Vaticano, dispunha de um ativo  de um bilhão de dólares;                                                                                        b) Os papas são celibatários, isto é, não se casam, não obstante ensinarem que o casamento é um sacramento divino;
                               c) Os papas se consideram infalível nas suas decisões e decretos.
                                                  
Conclusão

                 Mediante desse assunto aqui abordado, cai por terra toda a pretensão do papado quanto à sucessão apostólica e também todos os argumentos da Igreja Católica Romana, afirmando ter sido o apóstolo Pedro seu primeiro papa.

(Evangelista Junio Silvino de Souza) 

9 comentários:

  1. Excelente postagem,que lança dúvidas a todos aqueles que "veneram" o Papa,humano,como representante de Cristo,sem nunca terem lido Bíblia!....Hebreus nos conta que Jesus veio como Sacerdote Eterno,para que nenhum outro humano precisasse ter essa função...Só Cristo
    Suely

    ResponderExcluir
  2. Obrigado irmã Suely pelo comentário, deus abençoe!

    ResponderExcluir
  3. Passando para retribuir sua visita.Fique na paz de Deus.
    http://blogdeplebeiaaprincesa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Seguindo o blog,para receber as atualizações.Fica na Paz.

    ResponderExcluir
  5. Quero lhe dar os parabéns e glorificar ao Senhor Deus por sua vida. Essas frases refletem a ortodoxia bíblica, conhecimento sadio de profundas verdades extraídas das Escrituras. Tenho sido profundamente edificado com tais máximas e oro ao Senhor para que o amado irmão continue nessa caminhada, edificando, repreendendo, corrigindo, consolando e exortando o Corpo de Cristo. Ao amado em Jesus, deixo a amorosa exortação feita pelo escritor sacro:

    "Porque Deus não é injusto para se esquecer da vossa obra, e do trabalho do amor que para com o seu nome mostrastes, enquanto servistes aos santos; e ainda servis." (Hebreus 6:10).

    A propósito, caso ainda não esteja seguindo o meu blog deixo aqui o convite, acesse o link abaixo:

    Fruto do Espírito

    Minha Fan Page

    P.S. Convido a conhecer o blog do irmão J.C.de Araújo Jorge.
    Mensagens atuais, algumas polêmicas, porém abençoadoras...
    Acesse e confira:
    Discípulo de Cristo

    Em Cristo,
    ***Lucy***

    ResponderExcluir
  6. Neste novo ano estou a tentar visitar todos os amigos da Verdade Em Poesia afim de lhes desejar um 2016 muito feliz cheio de grandes vitórias e muita saúde e Paz.
    António.
    Ps. Tive de seguir novamente pois estava a seguir sem foto.

    ResponderExcluir
  7. Estou a tentar visitar todos os seguidores do Peregrino E Servo, pois por uma acção do google meu perfil sumiu e estava a seguir o seu blog sem foto e agora tive de voltar a seguir, com outra foto. Aproveito para deixar um fraterno abraço.
    António Jesus Batalha.

    ResponderExcluir
  8. A Paz de Cristo!

    SALMO 23

    O SENHOR É MEU PASTOR,
    Isto é relacionamento!

    NADA ME FALTARÁ,
    Isto é suprimento!

    CAMINHAR ME FAZ EM VERDES PASTOS,
    Isto é descanso!

    GUIA-ME MANSAMENTE A ÁGUAS TRANQUILAS,
    Isto é refrigério!

    REFRIGERA A MINHA ALMA,
    Isto é cura!

    GUIA-ME PELAS VEREDAS DA JUSTIÇA,
    Isto é direção!

    POR AMOR DO SEU NOME,
    Isto é propósito!

    AINDA QUE EU ANDE PELO VALE DA SOMBRA DA MORTE,
    Isto é provação!

    EU NÃO TEMEREI MAL ALGUM,
    Isto é proteção!

    PORQUE TU ESTÁS COMIGO,
    Isto é fidelidade!

    A TUA VARA E O TEU CAJADO ME CONSOLAM,
    Isto é disciplina!

    PREPARAS UMA MESA PERANTE MIM NA PRESENÇA DOS MEUS INIMIGOS,
    Isto é esperança!

    UNGE A MINHA CABEÇA COM ÓLEO,
    Isto é consagração!

    E MEU CÁLICE TRANSBORDA,
    Isto é abundância!

    CERTAMENTE QUE A BONDADE E A MISERICÓRDIA ME SEGUIRÃO TODOS OS DIAS DE MINHA VIDA,
    Isto é benção!

    E EU HABITAREI NA CASA DO SENHOR,
    Isto é segurança!

    POR LONGOS DIAS,
    Isto é eternidade!

    Que o Senhor te abençoe e te guarde!

    A propósito, caso ainda não esteja seguindo o meu blog deixo aqui o convite, acesse o link abaixo:
    Fruto do Espírito

    Que o Senhor te abençoe e te guarde!
    Tenha um ótimo fim de semana na presença dEle!
    Siga a minha Fan page:
    Minha Fan Page

    Venho solicitar que conheça o blog de um irmão muito querido...
    Eis o link:
    Discípulo de Cristo

    ResponderExcluir